segunda-feira, 20 de maio de 2013

Temos o direito de fazer promessas de amor que nunca serão cumpridas. Não há graça nenhuma em falar somente aquilo que se pode fazer.

Nenhum comentário: