terça-feira, 2 de abril de 2013

Amores confusos.


Nem todo mundo percebe, mas o pesar que a gente carrega depois de uma briga é uma forma severa de luto. 
Ele deixa na boca o mesmo gosto da separação. 
É uma sensação dolorosa de perda, recoberta por uma camada de fúria e indignação. 
O nosso cérebro viaja cento e cinquenta vezes por segundo entre o mais completo desalento e a mais lúcida justificação.
 Enquanto isso, os hormônios da tristeza tomam conta. 
Mesmo que alguma forma de reconciliação nos resgate ao longo do dia, o dano está feito. 

Como é difícil uma relação!
Com tanta coisa pra resolver, não me sinto preparada para passar por toda essa angústia novamente.

Elas.

Nenhum comentário: