quarta-feira, 23 de maio de 2012

Sem medos.




Eu iria,
atravessaria as matas,
pântanos,
sem medos,
receios do mal,
iria ao seu encontro...
se me garantisses
que lá estavas.
conversaríamos,
riríamos,
seria bom.

sinto saudades.


Lúciah.


Nenhum comentário: