segunda-feira, 26 de março de 2012

Nada Somos

Me pergunto,
 pra quê tanta empáfia?
Se todos tivessem a coragem de admitir que nada somos!
NADA !!!!
Somos um poeirinha na vasta imensidão do Universo,
um grão,
um espirro de líquido inseminado...
Pra quê essa soberba?
esse orgulho vão?

Que pretensão é essa de achar-se o centro do Universo?
essa mania chata de sentir-se perseguido o tempo todo, por pessoas que na verdade te amam...
Essas suas  criações sem sentido, sua imaginação tão fértil e irreal, nos afasta,
fico triste, me chateia a idéia de perda de tempo...
O tempo é precioso!!!


Lúciah e suas lamentações.

Nenhum comentário: