segunda-feira, 5 de março de 2012

Complicando

Pra que complicar as coisas? com excessos de perguntas, excesso de álcool, pra que os excessos, se depois te deixam bem pior? não há um momento de paz, de sossego, não consigo centralizar meus pensamentos, me vejo perdida, escondida, não me acho, vivo sem vida!
Poucas coisas em minha vida são de verdade, o que são elas? cadê? onde anda a realidade? as vezes acho que morri e sou apenas um espectro fantasmagórico, temo que, em alguns anos precise de reab. ou de longas sessões de psicanálises.
O que anda acontecendo?


Seria uma síndrome de Sansão? (nem sei se tal coisa existe)

                                             Lúciah Andrade.

Nenhum comentário: