quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Me sinto amedrontada

      

  Época de Carnaval pipocam na tv péssimas notícias, mortes, assassinatos, atropelamentos, maldades diversas, e a impressão de irrealidade, de que nada disso poderá nos atingir...
         Filhos adolescentes preocupam demais! vejo situações que me fazem sentir que nem dei tanto trabalho a minha mãe assim... Os jovens hj estão sem controle, eu não quero acordar um belo dia, e perceber que as atrossidades não acontecem só aos outros. Deus nos livre de todo o mal!
         Ouço frases de pessoas queridas que me fazem temer quanto ao seu futuro, pessoas que amo, mais que hj em dia nem tenho autonomia para verbalizar numa conversa franca.
         Nem sempre posso ser totalmente clara, sou observadora, e tenho pessoas certas para debater, esclarecer, comentar...
         Parece um papo brabo, sem nexo, mais na verdade é um  tipo de desabafo, ultimamente acho que não tenho tido ações que façam com que me admirem, mais sinceramente,  sou alguem que não gosto de gestos falsos, não sou atriz, sou real, e não faço nada forçada, para fulano ou ciclano aprovar, hoje me sinto Livre de ¨obrigações ¨, gosto de pessoas, quero delas um sentimento pelo menos parecido com o meu, sou assim.


Amedrontada
com pessoas ruins, sem caréter, cruéis em seus julgamentos, más.
amedrontada
com meu, nosso futuro. com meus atos. meus dias.


                                              Lúciah Andrade.

Nenhum comentário: