segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Amiga...eterna.



perdi um pouco de minha alegria...meus risos espontâneos...


Mal consigo acreditar que vc se foi...mais...pra onde?


Fiquei só, aí percebi o que vc era pra mim, minha amiga.


seus gestos e atitudes eram especiais, singelos, perfeitos.


e agora? cadê vc? me deixou confusa, perdida...


Não tenho com quem falar, não quero falar com ninguem!


ninguem é como vc na minha vida, ninguem será.


Lúciah.

Nenhum comentário: